Iansã Oyá

Rainha dos Ventos dos Raios e também das Tempestades. Guerreira mulher, esta é a temperamental Iansã. A que nunca abandona seus filhos de fé ou de lei. Iansã é a encarnação da determinação, e da personalidade forte. Sincretizada como Santa Bárbara. Ela tem sobre o seu domínio o Reino de Egum, que são os espíritos desencarnados. Não aceita qualquer tipo de submissão simbolizando todas as pessoas vivazes e determinadas. Iansã é puro movimento renovando sempre a sua energia, a mais agitada dos Orixás femininos, irrequieta, autoritária e impetuosa de temperamento forte e dominador. Iansã intervém na vida dos viciados e desajustados.

Os filhos de Iansã preferem as batalhas grandes e dramáticas, ao cotidiano repetitivo. Costumam ver guerra em tudo, sendo, portanto competitivos, agressivos e dados a ataques de cólera. Os filhos de Iansã costumam ser individualistas, achando que com a coragem e a disposição para a batalha, vencerão todos os problemas. O temperamento dos que têm Iansã como Orixá de cabeça, costuma ser instável, exagerado, dramático em questões que, para outras pessoas não mereceriam tanta atenção e desperdício de energia. São pessoas que podem ter um desastroso ataque de cólera no meio de uma festa, e sua postura, às vezes, se mostra bastante arrogante. São de caráter forte e firme, com atitudes súbitas e imprevisíveis que costumam fascinar, senão aterrorizar, os que os cercam. Os Filhos de Iansã são atirados, extrovertidos e chocantemente diretos, são muito ciumentos, audaciosos, autoritários, possessivos, muitas vezes se mostrando incapazes de perdoar qualquer deslize, mal-entendido ou traições. Ao mesmo tempo, costumam ser amigos fiéis para os poucos escolhidos para o convívio da intimidade de sua companhia.